Home Página Inicial > Notícias > TRENSURB ABRE AEROMOVEL AO PÚBLICO EM EVENTO COM A PRESIDENTA DILMA

TRENSURB ABRE AEROMOVEL AO PÚBLICO EM EVENTO COM A PRESIDENTA DILMA

08.08.2013

Cerimônia que marca início da operação assistida, em horários reduzidos, da linha entre a Estação Aeroporto do metrô e o Terminal 1 do Salgado Filho, acontece no sábado, 10, às 9h, junto à estação do Aeromovel no terminal aeroportuário.

Cumprindo diretriz do governo federal para empresas sob administração da União de investir em projetos de infraestrutura e inovação tecnológica e fomentar o desenvolvimento da indústria nacional, a Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A. (Trensurb) entra na fase final de implantação do projeto Aeromovel.

A linha da tecnologia entre a Estação Aeroporto da Trensurb e o Terminal 1 do Aeroporto Internacional Salgado Filho, em Porto Alegre, terá sua abertura ao público com o início da operação assistida, em cerimônia com a presença da presidenta Dilma Rousseff. O evento ocorre no próximo sábado, 10, a partir das 9h, junto à estação do Aeromovel localizada na área do aeroporto. Informações sobre credenciamento de profissionais da imprensa devem ser obtidas na página da Presidência da República na internet.

Durante o período de operação assistida, que tem previsão de duração de até 90 dias, o funcionamento da linha estará, ainda, sob responsabilidade da empresa contratada, a Aeromovel Brasil S.A. A operação ocorrerá em horário reduzido, das 10h às 16h, de segunda a sexta-feira, sem cobrança de passagem.

Dois veículos, um com capacidade para 150 passageiros – em processo de finalização da automação – e outro para 300 – com chegada prevista para setembro -, irão operar alternadamente conforme a demanda, percorrendo um trajeto de 814 metros em dois minutos. O valor total do projeto é de R$ 37,8 milhões.

Quando a operação plena tiver início, os usuários que embarcarem no Aeromovel no terminal junto ao aeroporto irão adquirir a passagem (de R$ 1,70) que dará direito ao transporte na linha do metrô sem cobrança adicional. Da mesma forma, quem desembarcar na Estação Aeroporto da Trensurb poderá utilizar o Aeromovel para se deslocar até o aeroporto sem pagar nova tarifa.

A Trensurb

A Trensurb é uma sociedade de economia mista vinculada ao Ministério das Cidades, que opera uma linha de metrô de superfície no eixo norte da Região Metropolitana de Porto Alegre, atualmente com 39 quilômetros, atendendo a seis municípios (além da capital gaúcha, Canoas, Esteio, Sapucaia do Sul, São Leopoldo e Novo Hamburgo) e transportando diariamente mais de 180 mil passageiros.

O Aeromovel

Um estudo do Laboratório de Sistemas de Transporte da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, realizado em 2001, estimou, na época, uma demanda de 7,7 mil usuários por dia, para 2011, na linha do Aeromovel entre a Estação Aeroporto da Trensurb e o Terminal 1 do Salgado Filho.

O Aeromovel é um meio de transporte automatizado em via elevada, que utiliza veículos leves e não motorizados, resultando em estruturas de sustentação mais esbeltas. A propulsão é pneumática: o ar é soprado por ventiladores centrífugos industriais de alta eficiência energética através de um duto localizado dentro da via elevada. O vento empurra uma placa (semelhante a uma vela de barco) fixada por uma haste ao veículo, que se movimenta sobre rodas de aço apoiadas em trilhos-guia. O resultado é uma solução de mobilidade urbana de baixo custo operacional e de implantação, além de baixíssimo impacto ambiental.

A evolução do projeto

A tecnologia foi criada pelo empresário gaúcho Oskar Coester há mais de 30 anos e está em operação em uma linha de 3,2 quilômetros na Indonésia desde 1989. Em abril de 2007, a Trensurb e a Aeromovel Brasil S.A. firmaram protocolo de intenções para realização de pesquisa e desenvolvimento do sistema. Em agosto de 2010, as empresas firmaram contrato para o fornecimento do pacote tecnológico do Aeromovel para a linha entre o aeroporto e o metrô. Em abril de 2011, foi assinado o contrato entre Trensurb e T’Trans para o fornecimento dos dois veículos do sistema. Em junho de 2011, iniciaram-se as atividades no canteiro de obras da via elevada, executada pela construtora Premold. Em agosto do mesmo ano, uma cerimônia marcou o início da execução das fundações do elevado. Após a inoperância da empresa vencedora da primeira licitação para construção das estações do Aeromovel, a Rumo Engenharia firmou contrato com a Trensurb para execução dos terminais em julho de 2012.

Cadeia produtiva 100% nacional

Por ser totalmente desenvolvido no Brasil e usar tecnologia 100% nacional, o Aeromovel tem movimentado a indústria e o mercado profissional do país. Durante os quase três anos de projeto, 59 empresas e 1.058 pessoas empenharam-se para que a construção da linha se concretizasse.

Além das quatro empresas contratadas diretamente pela Trensurb – Aeromovel Brasil (pacote tecnológico); T’Trans (veículos); Premold (via elevada); Rumo (estações) – diversas outras, 48 delas gaúchas, envolveram-se no processo, fornecendo componentes e serviços que foram desde projetos estruturais e arquitetônicos até motores e turboventiladores, passando por moldes de rodas dos veículos, fixação de trilhos, programação de softwares e transporte de carga.

Foto: Marco Pecker/Arquivo Trensurb

Compartilhe     

OUTRAS NOTÍCIAS
12345de 550paginas_noticias_detalhes.php?codigo_sitemap=3785&codigo_sitemap_pai=96&sitemapPage=2

Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre S.A. | Av. Ernesto Neugebauer 1985, - Humaitá - Porto Alegre - RS - Brasil - CEP 90250-140 | Fone: +55 51 3363 8000