Foto: Arquivo pessoal

Conectada com o Esporte

Foto: Arquivo pessoal

Foto: Arquivo pessoal

 

A Camila se conecta com o seu sonho de ser campeã olímpica através da Trensurb. Conheça a sua história:

A rotina da Camila Zeferino é bem atípica, se comparada a dos jovens de 17 anos, sua idade. Isso porque ela divide seu tempo entre os estudos em Esteio, onde mora, e o judô em Porto Alegre, onde treina há dois anos.

Tudo começou no condomínio onde mora. “Eu já tinha feito balé e capoeira antes. Aí aqui começaram a dar aulas de judô. Fui assistir um dia, depois outro, até que acabei gostando e nunca mais saí”, conta. No início, sua mãe não gostava muito da ideia de ver a filha no tatame. “Hoje ela é a minha maior apoiadora”, diz a atleta.

O resultado da dedicação ao esporte se reflete nas premiações: Camila já perdeu a conta de troféus e medalhas conquistados, mas ressalta dentre eles o prêmio de vice-campeã no campeonato brasileiro de judô da sua categoria. E sonha com mais: “Acho que a meta de todo atleta é conquistar uma medalha olímpica”.

Na busca pelo lugar mais alto do pódio, Camila divide sua rotina diária entre estudar de manhã, e de tarde pegar o trem rumo a Estação Aeroporto, onde ainda pega um ônibus até o Grêmio Náutico União, aonde treina. “Quando as aulas acabaram no condomínio, o União ofereceu toda a estrutura para que eu continuasse treinando e participando das competições”.

Camila está no último ano do Ensino Médio, mas não decidiu para qual curso irá prestar vestibular. Enquanto isso, ela segue treinando e conquistando mais medalhas nos tatames do mundo.

E você? Quais as conexões que nós te ajudamos a fazer? Use o app Trensurb Conexões para nos mostrar!

Crédito da foto: Félix Zucco / Agencia RBS

Segurança na Copa

Crédito da foto: Félix Zucco / Agencia RBS

Crédito da foto: Félix Zucco / Agencia RBS

Ano que vem teremos a realização da Copa do Mundo no Brasil. Porto Alegre será palco de cinco jogos da competição. Se depender da Secretaria de Segurança Pública do Rio Grande do Sul (SSP-RS), eles querem estar preparados para qualquer situação. Tanto que contaram com a ajuda da Trensurb para isso.

No início de dezembro, o trem foi palco de um exercício entre as estações Aeroporto e Anchieta. Atores simularam o sequestro de um turista na saída da linha do Aeromovel. Na Estação Anchieta, o trem foi bloqueado na via para que se iniciassem as negociações. O Grupo de Ações Táticas Especiais (GATE) foi avaliado durante o treinamento, que durou 2h15. Além disso, uma unidade do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC) foi montada na sede da Trensurb. Durante a Copa, serão três centros em operação: Um na SSP, um no estádio Beira-Rio, e um móvel.

natalia03

De São Leopoldo para Sevilla

Foto: Arquivo pessoal

Foto: Arquivo pessoal

Uma notícia boa quase fez a estudante de jornalismo Natália Scholz abraçar a todos que estavam com ela dentro do trem. Ao verificar seus e-mails durante a viagem, veio a notícia de que foi aprovada para fazer um intercâmbio de seis meses na Espanha.

“Logo liguei para todo mundo da minha família. Minha vontade era de contar para as pessoas do trem também, mas consegui me conter”, disse ela aos risos.

Natália mora no bairro São João Batista, em São Leopoldo, e está no sexto semestre de jornalismo na Unisinos. Durante seis meses, ela irá aprimorar seus conhecimentos na Universidade de Sevilla, no sul da Espanha.

“Espero crescer muito tanto profissionalmente, quanto pessoalmente. Quero conhecer outras culturas e incorporar isso na minha vida, sempre buscando melhorar quem eu sou”.

Enquanto o dia da viagem não chega, a Trensurb ajuda Natália a se conectar com o Instituto Cervantes, em Porto Alegre, onde tem aulas de espanhol:

“Graças ao trem e a esse curso, eu adquiri conhecimentos suficientes para ganhar minha bolsa para estudar lá fora”.

Para ela, o ambiente dos trens favorece o exercício da profissão:

“Eu gosto muito de como o trem reúne tantas pessoas diferentes. Para o fotojornalismo, é um prato cheio. Nunca fiz muitas fotos dentro do trem, mas é legal exercitar o olhar, buscar personagens que seriam interessantes para uma pauta”.

No entanto, hoje ELA É A PAUTA :)

A Trensurb conecta a Natália aos estudos. Agora conta pra gente: para quais conexões o trem te leva?

Foto: Arquivo Trensurb

Ampliando a acessibilidade nas estações

Foto: Arquivo Trensurb

Foto: Arquivo Trensurb

Com o objetivo de melhorar cada vez mais o atendimento e ampliar a acessibilidade dos usuários nas estações, a Trensurb lançou um edital de licitação para contratar uma empresa que será responsável por realizar mudanças nas estações Rodoviária e Farrapos/IPA.

Na Estação Rodoviária, as melhorias envolvem a inclusão de plataforma para acesso de pessoas em cadeiras de rodas, elevadores (um de acesso à plataforma e outro para acesso a estação pela entrada na esquina da Rua da Conceição com a Avenida Júlio de Castilhos), pisos podotáteis e comunicação visual.

Já na Estação Farrapos/IPA, as intervenções envolvem pintura da estação, pisos podotáteis, comunicação visual, instalação de novo forro no saguão de usuários, substituição das esquadrias, impermeabilização da cobertura sobre a plataforma de embarque e desembarque, reforma dos banheiros de usuários para adequá-los à NBR 9050 – que exige a acessibilidade universal nos espaços urbanos -, instalação de elevador ligando o saguão à plataforma e nova iluminação no saguão e plataforma.

Além disso, a empresa ficará responsável pela instalação de um elevador na Estação Esteio, ligando a plataforma de embarque à bilheteria.

Com isso, a Trensurb reforça seu compromisso de trabalhar cada vez mais em prol de um serviço de transporte eficiente e de qualidade para todos os usuários. :)

Crédito da foto: paulophm.wordpress.com

Nos trilhos da história

Crédito da foto: paulophm.wordpress.com

Crédito da foto: paulophm.wordpress.com

Se você gosta de história, reserve um tempo para visitar o Museu do Trem, localizado em São Leopoldo. A antiga estação ferroviária da cidade foi a primeira construída no Rio Grande do Sul, obras que iniciaram em novembro de 1871.

Esta estação faz parte do percurso que partia de Porto Alegre, passava por São Leopoldo e terminava em Novo Hamburgo. A primeira viagem entre a capital e São Leopoldo aconteceu em 1874, tendo com principal objetivo levar um transporte moderno para o Vale do Sinos.

Ficou interessado? O Museu do Trem está localizado na rua Lindolfo Collor, no centro da cidade, nas proximidades da Estação São Leopoldo da Trensurb.

Horários de visitação:

De terça-feira a sábado: das 9h às 18h.
Domingo: das 14h às 18h.

Foto: Arquivo Trensurb

Vida Paralela – Nova exposição na Galeria Mario Quintana

Foto: Arquivo Trensurb

Foto: Arquivo Trensurb

Entre os diversos detalhes da vida que não são percebidos, estão os que ainda não foram provados pela ciência. Mas nem por isso, o artista plástico Amaro Abreu, de 24 anos, deixou de exprimir suas percepções, que resultaram na exposição “Vida Paralela”, que pode ser conferida na Galeria Mario Quintana da Trensurb.

Ao passar pelo túnel de acesso às plataformas de embarque da Estação Mercado, em Porto Alegre, os usuários da Trensurb poderão conferir os traços em grafite do artista, bem como trabalhos feitos em papel, com aquarela e nanquim.

De acordo com Amaro, “trata-se de um mundo harmônico, onde plantas orgânicas são irmãs de criaturas com cabeças em forma de círculos perfeitos e monstros de olhar manso, um universo paralelo, quem sabe abrigado dentro de cada um e camuflado pela presa nossa de cada dia”.

Os interessados podem apreciar a exposição, mediante o pagamento da passagem unitária do metrô, no valor de R$1,70, já que a Galeria fica no espaço interno da estação. A bela exposição ficará disponível até o final do mês de outubro.