Equipe que planeja

Para que os trens operem todos os dias, a Trensurb conta com um quadro funcional com cerca de mil empregados que atuam em diversas áreas e garantem o bom funcionamento do metrô, o planejamento e a gestão da empresa. As 48 unidades organizacionais da Trensurb estão divididas entre três diretorias, duas superintendências, 14 gerências, 28 setores e um órgão de auditoria interna. Conheça o trabalho da Gerência de Planejamento Corporativo (Gepla).

Quem faz? A equipe da Gepla é formada pela gerente, a administradora Josiane Hensel do Canto, mais um administrador e dois assistentes de serviços.

O que faz? A missão da gerência é ser agente de mudanças, desenvolvendo soluções inovadoras para a gestão. Sua visão é fundamentada na seguinte declaração: “referência de unidade organizacional com papel preponderante na gestão da Trensurb”.

Leia mais →

Planejamento estratégico 2016-2020

Ao longo das últimas duas décadas, o setor público deparou-se com a necessidade de avaliar seus resultados, melhorar seu desempenho e demonstrar maior transparência, o que resultou na busca de melhorias em sua forma de operar. Conforme o Referencial Básico de Governança publicado pelo Tribunal de Contas da União, governança no setor público é um conjunto de mecanismos de liderança, estratégia e controle postos em prática para avaliar, direcionar e monitorar a gestão, com vistas à condução de políticas públicas e à prestação de serviços de interesse da sociedade. O planejamento estratégico é um processo fundamental para a boa governança e, por isso, a Trensurb concluiu recentemente a revisão de seu planejamento para o período até 2020. “Que caminhos vamos seguir? Que empresa queremos ser daqui a cinco anos e o que está norteando isso? Essas são as questões que o planejamento estratégico define”, explica a gerente de Planejamento da empresa, Márcia Zorn.

Leia mais →