Jairo Paixão

Paixão pela fotografia e a pescaria

O assistente de manutenção Jairo Pereira Paixão, de 57 anos, trabalha na supervisão dos serviços corretivos nos trens. Jairo ingressou na Trensurb em agosto de 1986, iniciando como eletricista na manutenção preventiva das composições. Depois, passou a trabalhar na corretiva, onde está até hoje. Passou mais de dez anos como supervisor de turno, responsável pelas manobras, recebimentos e liberações dos trens no antigo Setor de Manutenção Leve. Sua rotina é variada, mas seu foco principal é não deixar nenhum trem inoperante.

Natural de Santo Ângelo, ele mora hoje em Gravataí com a esposa Vera – com quem é casado há 34 anos – e seus três filhos: Leandro, de 33 anos, Milena, 30, e Bruno, 19. “Minha família foi a base de tudo”, afirma. Eletricista formado pelo SENAI, quando entrou na empresa, realizou curso técnico em eletroeletrônica para aprimorar-se.

Apaixonado por fotografia, Jairo já fez três cursos sobre o tema e montou um estúdio fotográfico em Gravataí com a esposa. “Eu fotografava com máquina analógica, mais por lazer mesmo, mas chegou a era digital e eu tive que abrir mão, pois o custo era muito alto”, diz. Ele afirma que gosta muito de pescar, normalmente no rio Camaquã ou na barra do Tramandaí. “Pretendo pescar de novo nos Molhes da Barra do Cassino. Nós pegávamos a vagoneta e andávamos quatro quilômetros pra pescar em alto mar”, conta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *