Metroviários da Trensurb são finalistas em premiação nacional

Davi Vital exibe troféu de finalista do Prêmio Tecnologia e Desenvolvimento Metroferroviários, da ANPTrilhos e da CBTU

Dois empregados da Trensurb foram além de suas competências e desenvolveram artigos relacionados ao setor metroferroviário. Na segunda edição do Prêmio Tecnologia e Desenvolvimento Metroferroviários, realizado pela Associação Nacional de Transportadores de Passageiros sobre Trilhos (ANPTrilhos) e pela Companhia Brasileira de Trens Urbanos (CBTU), Davi Vital e Cleber Correa apresentaram seus artigos a uma comissão julgadora, ambos referentes à eficiência energética. Durante a 21ª Semana de Tecnologia Metroferroviária da Associação dos Engenheiros e Arquitetos de Metrô de São Paulo, em setembro, Davi e Cleber expuseram seus trabalhos e receberam certificação como finalistas na categoria “Tecnologias de implantação, operação e manutenção de sistemas de transporte”.

Davi , que é formado em engenharia elétrica e especializado em automação industrial pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), trabalha no Centro de Desenvolvimento Operacional Aplicado à Tecnologia Aeromóvel, da Trensurb. Em seu artigo, que recebeu colaboração de outros metroviários, como Tiago Augusto Furlan e José Henrique Hinkel, e do professor doutor da UFSM, Geomar Martins, Davi analisou o consumo energético de tração e de frenagem elétrica dos trens série 100 (frota original da Trensurb). O estudo foi realizado nos trechos entre cada estação, mostrando quanto o gasto de energia varia em função da marcha impressa pelo condutor e quanta energia é perdida em frenagem reostática (freio baseado na inversão do fluxo de potência dos motores), sendo a primeira vez que a Trensurb coletou dados quanto ao potencial de ganho em recursos energéticos nos trens. Para Davi, “é satisfatório saber que fizemos um bom trabalho e é isso que nos dá ânimo para desenvolver novos projetos”.

Cleber Correa apresentou trabalho que incluiu levantamento da demanda de energia elétrica da oficina da Trensurb

Cleber é engenheiro eletricista formado pela Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), especialista em eficiência energética pela mesma instituição de ensino e analista técnico da Trensurb, no Setor de Projetos de Programas e Inovação Tecnológica. Ele realizou um estudo de caso através de levantamento da demanda e consumos de energia elétrica predial da oficina de manutenção. Dessa forma, pôde identificar o impacto do consumo da iluminação artificial e propor novas alternativas com o aproveitamento da luz natural. “Este trabalho foi realizado durante minha pós-graduação, em 2013/2014, e mantém foco nos resultados. E, para participar da premiação, foi necessário fazer adaptações na formatação”, afirma Cleber. “Passar por todas as fases avaliativas e ser reconhecido em uma premiação nacional é satisfatório e o apoio que a Trensurb deu foi muito gratificante”, conclui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *