Foco na qualidade do trabalho e na família

Dentro da Trensurb, diversos setores atuam em conjunto para manter a operação em pleno funcionamento. Sem o uso de energia elétrica, é impossível manter a circulação dos trens, por isso os empregados do Setor de Energia (Senerg) estão sempre a postos, entre eles Luciano Ribas Nunes.

Luciano tem 43 anos, é natural de Pelotas, possui formação como técnico em mecânica pelo Centro Federal de Educação Tecnológica de Pelotas e técnico em eletrotécnica pela Escola Estadual Frederico Schmidt, de São Leopoldo. Antes de ingressar na Trensurb, atuou principalmente nas indústrias de plásticos, na Sanremo, e da borracha, na Tipler. Em ambas, suas tarefas sempre foram dedicas à manutenção industrial e o contato com as máquinas fez com que criasse uma afeição pela energia elétrica: “Minha atividade fim não era na parte elétrica, mas em muitos momentos realizei tarefas dessa área”.

Luciano destaca a dedicação da Trensurb na realização da manutenção preventiva, evitando possíveis falhas. “Na indústria, se uma máquina parar, existem outras iguais que continuam trabalhando e aqui, quando há ocorrências, o sistema todo é afetado”, relata. “Uma característica da Trensurb é o trabalho preventivo, tanto nos trens quanto na rede aérea e subestações, mas falhas acontecem em qualquer lugar e aqui o número é relativamente pequeno devido à prevenção”, completa.

Ao falar sobre seu trabalho na empresa, Luciano demonstra sua satisfação em manter um bom nível de qualidade, especialmente quando pode sentir a diferença entre trabalhar na indústria, onde lidou apenas com máquinas, que afetam somente a produção, e uma empresa pública de transporte de passageiros, onde qualquer falha pode comprometer a operação plena. “Quando acontece uma falha na rede aérea, o trem para, afeta uma boa parte da população e gera um transtorno muito grande”, constata. “Há uma pressão pessoal que gera uma tensão em poder ir até o local, realizar o serviço fazendo bem feito para sanar o problema, mas é muito gratificante poder ver o trem funcionando normalmente e a população usando”, completa.

Torcedor do Brasil de Pelotas, Luciano afirma gostar de praticar futebol: “Sou metido a jogador de futebol e desde criança jogava com os amigos. Quando mais novo, eu disputei diversos campeonatos que surgiam, como futsal, campo…”. Antes mesmo de terminar sua explicação, ele completa falando da família: “Quando tenho tempo livre, prefiro passar com minha família”. Luciano está junto com sua companheira há mais de 20 anos e tem dois filhos, um menino e uma menina, de 14 e 7 anos respectivamente. Enquanto fala sobre a família, é possível perceber seu orgulho e o foco em mantê-la próxima: “Sempre que possível, eu gosto de fazer aquele churrasco em família, ir ao cinema, passear e também viajar, seja para a praia ou para a Serra”. “Gosto de estar presente, pois passamos muito tempo longe por conta do trabalho e às vezes não sobra tempo nem para nossas coisas”, conclui.

One Comment

  1. Parabéns Luciano Ribas Nunes. Muito motivador ver uma pessoa tão jovem e com tantas experiências profissional. Isso prova que quem tem foco e vai a luta sempre alcança. Quando eu leio que você tem sua família como prioridade eu vejo a real força motriz que te trouxe até aqui. Uma família unida é a base de todos que almejam o sucesso. Abraços.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *