Etiqueta Urbana: sétima etapa da campanha

Os usuários do metrô que acessaram a Estação Mercado na tarde da última quarta-feira (21) logo escutaram o som de música gauchesca e depararam-se com o Zurbinho, mascote da Trensurb, e Alípio Tchutchukinho, personagem interpretado pelo ator Maikinho Pereira. Era o lançamento da sétima etapa da campanha de Etiqueta Urbana, que divulga dicas de boa convivência no metrô desde 2011. Na ocasião, no saguão da estação, foi exibido um novo videoclipe educativo, com música composta por Anderson Luis e Daniel, e guias com as dicas foram distribuídos.

“Buscamos dialogar com os usuários do sistema para que, com pequenos gestos, contribuam para a boa fluidez dos serviços e o bem-estar de todos que utilizam o trem. O Guia Etiqueta Urbana da Trensurb não é uma diretriz apenas para o metrô, pois suas orientações transcendem um modal ou sistema específico”, afirma o diretor-presidente da Trensurb, David Borille. Para o gerente de Comunicação Integrada da empresa, Jânio Ayres, com a campanha que já vem desde 2011, a Trensurb está “investindo numa mudança cultural, em que a gentileza se impõe como prática cidadã”.

Leia mais →

A força da mulher metroviária

A Trensurb conta, hoje, com 287 mulheres entre empregadas, estagiárias e aprendizes. Dessas, 21 ocupam cargos de gestão. Entre elas, uma diretora: Maria Cecilia Brum, primeira mulher a assumir um cargo de direção na empresa. Contadora formada pela UFSM, mestre em ciências contábeis pela Unisinos, empregada da Trensurb desde novembro de 2011, ex-gerente de Orçamento e Finanças, ela assumiu a Diretoria de Administração e Finanças em dezembro de 2016. Como muitas mulheres ao longo dos anos, ao redor do mundo, chegou a uma posição antes ocupada somente por homens. Isso só foi possível por causa da luta de muitas mulheres que vieram antes dela, uma luta por igualdade, que segue até hoje. E essa luta é o que se comemora neste 8 de março, Dia Internacional da Mulher.

Leia mais →

Outubro Rosa e o Proger na Trensurb

Neste mês, a Trensurb lembra as mulheres sobre a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama, participando do Outubro Rosa, campanha internacional de conscientização a respeito da doença. O câncer da mama é o tipo de câncer que mais atinge mulheres no mundo. Só no Brasil mais de 50 mil casos são registrados todos os anos e o diagnóstico precoce da doença é fundamental para melhorar as chances de cura.

Mais uma vez, o arco da Estação Mercado ilumina-se de rosa e a sede administrativa da empresa também recebe decoração alusiva. Ações para o público interno estão sendo programadas, com distribuição de material gráfico informativo – além de pequenos laços rosas que tradicionalmente simbolizam a campanha. Essas atividades são de responsabilidade da comissão do Programa Pró-Equidade de Gênero e Raça (Proger) na Trensurb.

Leia mais →

Acyr (à esq.) recebe doação em edição da campanha na Usina do Gasômetro

A estação do frio se aproxima e a solidariedade com os animais desembarca na Trensurb

Chega o inverno e as pessoas pensam em todas as campanhas do agasalho que são realizadas por diversas empresas, instituições e ONGs, mas existe outro “público” que é esquecido nesta época: os animais abandonados. Seguindo com suas atividades socioambientais, a Trensurb apoia outras iniciativas do mesmo cunho, tais como a Campanha da Ração na Usina, promovida pelo metroviário Acyr Winckler Martins. Ele, que atua hoje na Estação Mercado, também trabalha na defesa de animais em situações de vulnerabilidade. Desde 2005, quando ele e sua esposa, Ceres, decidiram trocar um apartamento na capital por um sítio em Viamão, local onde construíram diversos canis. Assim foi criado o Abrigo Cannis Luppus.
A ideia de amparar cães surgiu quando Winckler trabalhava na Estação Esteio e viu um cão sendo atropelado, permanecendo vivo na rua onde circulavam diversos carros. “Ele (o cachorro) ficou com os taxistas até o final do meu turno e só aí pude levá-lo ao veterinário”, conta. Ele ainda complementa a história dizendo que “o cachorro, depois de complicações durante a cirurgia para corrigir a fratura, foi acolhido por nós até o fim de sua vida”.

O primeiro cão resgatado por Winckler foi chamado de Bonŝanca, que em esperanto significa sortudo, foi a faísca para um projeto muito maior que é o próprio abrigo, já que diversos animais estão na mesma situação de vulnerabilidade devido a maus tratos e abandono por parte de seus donos.Uma das preocupações do abrigo é o crescimento desenfreado da população de cachorros de rua, que depois de abandonados acabam procriando. Mesmo sem parceria ou convênio com clínicas veterinárias, todos os cães acolhidos são castrados e acomodados até que ganhem um novo lar.

Hoje, o Cannis Luppus, nomenclatura alusiva ao nome científico do Lobo-Cinzento, possui mais de 250 cães resgatados e sua principal dificuldade em manter o acolhimento dos animais é a alimentação diária. Cada um dos abrigados consome cerca de 400g de ração por dia e custear a comida para todos eles é inviável, pois o abrigo não recebe ajuda financeira de nenhuma entidade, ONG ou da administração pública.

Para suprir a necessidade, que atualmente é de 3 toneladas de ração por mês, o que equivale a aproximadamente 37 cães da raça São Bernardo, em 2008 foi criada a campanha mensal para arrecadação, sempre ao lado da chaminé da Usina do Gasômetro, em Porto Alegre.  Para colaborar com o abrigo, basta ir até a Usina do Gasômetro, nos dias 30 e 31 de maio, entre às 9h e 18h, e doar um saco de ração, independente da marca ou do peso do pacote. Para quem não pode se deslocar até o local, há uma parceria com um armazém de rações que efetua a venda com desconto, pelos telefones (51) 3322-1851 e 3384-2867, entregando diretamente no abrigo. A empresa recolhe o valor na casa do doador ou fornece número de conta bancária para realização de depósito.

Quem não pode colaborar com ração, mas pode ajudar com remédios, camas, casinhas e cobertores, pode entrar em contato com o próprio Acyr Winckler pelo fone (51) 9911-9910 ou através do email cannisluppus@gmail.com. Para adotar um amigo de quatro patas é necessário agendar um horário de visita ao abrigo pelos mesmos meios.

Lançamento oficial da vigésima edição da iniciativa ocorreu hoje (6), com a entrega de 1,5 tonelada de roupas à Defesa Civil do Estado, em Porto Alegre.

Trensurb lança 20ª Campanha do Agasalho

Lançamento oficial da vigésima edição da iniciativa ocorreu hoje (6), com a entrega de 1,5 tonelada de roupas à Defesa Civil do Estado, em Porto Alegre.

Lançamento oficial da vigésima edição da iniciativa ocorreu hoje (6), com a entrega de 1,5 tonelada de roupas à Defesa Civil do Estado, em Porto Alegre.

A partir de doações realizadas por usuários do sistema metroviário, em pouco mais de um mês – as caixas coletoras foram colocadas nas estações no início de abril –, a Trensurb entregou, na tarde de hoje (6), cerca de 1,5 tonelada de peças de vestuário para a Defesa Civil do Estado, em Porto Alegre. Dentre os materiais, foram disponibilizadas roupas masculinas, femininas, infantis e calçados. A iniciativa marca o lançamento oficial da Campanha do Agasalho Trensurb 2014, em sua vigésima edição.

Em 2013, a Trensurb arrecadou 42 toneladas de donativos, incluindo roupas, cobertores, lençóis, acolchoados, travesseiros e calçados. As doações foram distribuídas a 22 instituições de Porto Alegre e Região Metropolitana. Neste ano, pontos para a coleta de doações estão disponíveis em todas as 22 estações do metrô, das 5h às 23h20, todos os dias. Segundo o chefe do setor de Responsabilidade Socioambiental da Trensurb, Cláudio Carvalho Teixeira, “a expectativa é arrecadar 45 toneladas com a ajuda solidária dos usuários que sempre colaboram muito com a campanha. Neste ano as doações irão para os bancos de agasalhos das prefeituras e, após, doaremos a mais de 90 instituições cadastradas”.