Trabalho infantil é tema de esquetes no trem

Entre 30 de outubro e 21 de novembro, no trecho da linha da Trensurb localizado em Novo Hamburgo, os trens receberam esquetes teatrais que buscavam conscientizar os passageiros a respeito da problemática do trabalho infantil. As atividades foram realizadas num iniciativa do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti) da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social de Novo Hamburgo. O grupo de teatro Luz & Cena foi responsável pelos esquetes e também pela distribuição de material gráfico informativo sobre o tema.

Para Isabel Cristina Glaser, técnica de referência do Peti, a melhor maneira de colaborar para a erradicação do trabalho infantil é denunciando. “O objetivo é justamente que as pessoas se conscientizem que aquela criança que está trabalhando ali tem que estar na escola, tem que estar fazendo outra atividade de acordo com a sua idade, e que possam denunciar”, afirma. “A denúncia não é no sentido de prejudicar, mas sim de conseguir alcançar essa família e dar estrutura para essa família que está colocando a criança no trabalho infantil”, completa Isabel.

A apresentação do grupo Luz & Cena busca desconstruir cinco mitos do trabalho infantil: “é melhor trabalhar do que roubar”, “trabalhar não mata ninguém”, “precisa trabalhar para ajudar a família”, “o trabalho enobrece” e “o trabalho traz futuro”.

Denúncias de trabalho infantil podem ser realizadas por meio do Disque 100 – Disque Direitos Humanos, do Ministério dos Direitos Humanos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *