Trocam-se moedas

Carlos Emílio Romano tem 65 anos, é comerciante aposentado e tem um hobby incomum: realiza a troca de moedas entre comerciantes e empresas em Novo Hamburgo. O senhor Romano, como gosta de ser chamado, já realiza a atividade há cerca de dois anos e, entre os empregados da Trensurb, é conhecido como “o senhor das moedas”.

Leia mais →