2018 na Trensurb: um ano de muita arte e cultura

Historicamente, a Trensurb busca ir além de sua atividade-fim e levar mais cultura aos usuários do metrô – e também a seus empregados –, alterando rotinas, proporcionando ambientes mais humanos e abrindo espaço para novos ou já reconhecidos talentos. Em 2018, isso não foi diferente e a empresa desenvolveu – ou abriu seus espaços para – diversos projetos e ações culturais. Saiba mais sobre eles a seguir.

Leia mais →

Dez anos de democratização da leitura

Biblioteca mantida pela Trensurb, localizada na plataforma de embarque da Estação Mercado do metrô, o Espaço Multicultural Livros sobre Trilhos (EMLsT) completou dez anos de atividades no último final de semana. O espaço funciona nos dias úteis, das 10h às 12h e das 13h às 19h, oferecendo serviço gratuito de empréstimo de livros aos seus 5,9 mil sócios. Conta com 8,4 mil publicações de diversos gêneros em seu acervo – ampliado somente por meio de doações –, além de uma área para exposições artísticas e fotográficas. Nesses dez anos de atividades, acumula mais de 67 mil empréstimos realizados.

Leia mais →

Uma visita especial

Thiago Gonsalves tem 34 anos, um a mais que o metrô operado pela Trensurb, e, desde pequeno, acompanha com interesse a evolução da empresa. Ele convive com o transtorno do espectro autista, mais conhecido como autismo. Durante uma visita no dia de ontem (12), ele pôde conhecer um pouco mais sobre a rotina e o funcionamento do sistema metroferroviário que liga Porto Alegre a Novo Hamburgo.

Leia mais →

Assessorando o diretor-presidente

Para que os trens operem todos os dias, a Trensurb conta com um quadro funcional com cerca de mil empregados que atuam em diversas áreas e garantem o bom funcionamento do metrô, o planejamento e a gestão da empresa. As 49 unidades organizacionais da Trensurb estão divididas entre três diretorias, duas superintendências, 14 gerências, 28 setores, um órgão de auditoria interna e uma ouvidoria. Conheça o trabalho do Gabinete da Presidência (Gapre).

Quem faz? Com status de gerência, o Gabinete da Presidência conta com três empregados: o chefe de Gabinete, um administrador e uma técnica em administração. Atuando juntamente com o Gapre, há a Secretaria da Presidência, composta por uma secretária executiva e duas estagiárias, graduandas em Secretariado Executivo Trilíngue.

O que faz? O papel do Gabinete da Presidência é assessorar o diretor-presidente frente às demandas internas de trabalho advindas de todos os setores da empresa, bem como as demandas externas, principalmente do Ministério das Cidades, Ministério do Planejamento, Presidência da República, órgãos de controle e outros. O Gapre dá suporte técnico ao diretor-presidente quanto a assuntos das diferentes áreas da empresa, elabora documentos oficiais, atas e resoluções, além de assessorar as reuniões de Diretoria Executiva, Conselho de Administração e Assembleia dos Acionistas da Trensurb. Também faz a gestão dos processos físicos e eletrônicos (por meio do Sistema Eletrônico de Informações) e demais expedientes internos e externos.

A Secretaria da Presidência recebe as demandas internas e externas dos pedidos de agenda, eventos e providencia as viagens do diretor-presidente, Conselho de Administração e acionistas.

Leia mais →

Conheça o slam: prática que leva poesia a ambientes não convencionais estará presente na Feira do Livro de Porto Alegre

Talvez desconhecido pela maioria, o slam é a prática de declamar poesia sem o auxílio de acompanhamento musical. Surgido em Chicago, em 1984, o movimento ganhou muitos adeptos por conseguir tirar a poesia dos livros e dos ambientes tranquilos e colocá-la nas ruas, próxima de quem quisesse ouvi-la.

O rapper e slammer (nome dado aos praticantes do slam) Vinícius Brasil é um dos diversos apaixonados pelo formato. Segundo ele, escrever poesias é sua válvula de escape. “Os sonhos são indispensáveis para seguirmos em frente, pois eles me mantêm vivo”, declara.

Leia mais →