O cara da telefonia

Simão Israel Waschburguer tem 43 anos, é natural de Sapiranga e atualmente mora em Campo Bom. Em função de empregos anteriores, já morou em diversas regiões do estado. Hoje, ele trabalha como técnico em eletrônica no Setor de Sinalização (Sesin) da Trensurb. Concluiu o curso técnico na Fundação Escola Técnica Liberato Salzano Vieira da Cunha no ano 2000, mas, desde 1997, antes mesmo de se formar, já atuava na área.

Simão também tem outra formação técnica, em contabilidade, concluída em 1994, na escola 31 de Janeiro, em Campo Bom. Porém ele acabou não gostando da área, não se aprofundou nela e decidiu mudar para a eletrônica – tema do qual sempre gostou.

Leia mais →

Fé e superação

Omar Slaviero tem 58 anos e é natural de Flores da Cunha. Formou-se técnico em eletrônica pela Escola Técnica Federal de Pelotas no ano de 1982. Dois anos depois, ingressou na Trensurb por meio de seleção pública.

Trabalhando no Setor de Sinalização (Sesin), ele atua diretamente com a correção de falhas nos bloqueios eletrônicos das estações. “É um sistema complexo e interessante, então não caímos na rotina de fazer sempre a mesma coisa. Cada vez tem um defeito diferente e um efeito diferente. É como um quebra-cabeça, nunca fica naquela monotonia”, afirma. Um dos pontos que considera positivos no seu dia a dia é a oportunidade de interagir com diversos colegas que atuam nas estações.

Leia mais →