Irmãos metroviários

Não são apenas o sobrenome e os laços de sangue que unem Marcelo, Maurício e Miguel Essvein. Naturais e moradores de Sapucaia do Sul, os três irmãos dedicam seu tempo à mesma empresa: a Trensurb. Marcelo, 29 anos, e Maurício, 25, trabalham no Setor de Operações, nas estações, enquanto Miguel, 19, é estagiário do Setor de Tráfego.

Marcelo ingressou na Trensurb em 2010, junto do irmão mais velho, Maicon, 32 anos, que deixou a empresa em 2012. Marcelo fez outros concursos e, em 2013, também deixou a estatal. Decidiu participar de mais um processo seletivo para a Trensurb e, em 2018, voltou a integrar a equipe de atendimento nas estações, desta vez junto ao irmão Maurício. Aprovado recentemente em um processo de progressão interna, ele almeja continuar avançando na carreira: “Desejo continuar crescendo”. Marcelo é apaixonado por geografia e atualmente faz um curso de línguas, em que aprende idiomas como inglês, espanhol, alemão e francês.

Estudante de psicologia, Maurício gosta e tem facilidade para trabalhar diretamente no atendimento aos usuários. “Ao estudar psicologia, eu consigo botar em prática com os usuários um bom atendimento, buscando uma boa abordagem em qualquer ocorrência”, diz. Nas horas vagas, Maurício se diverte ao devorar um bom livro, na maioria das vezes sobre o estudo da mente humana. Com uma sensibilidade e ouvido musical, o metroviário gosta muito de tocar violão e piano. Recentemente, decidiu começar a trabalhar também como barbeiro, dando novo uso a suas habilidades com pessoas – e com tesoura e navalha nas mãos.

Miguel, por sua vez, está contente com seu estágio, no qual atua atendendo a rotinas administrativas, organizando arquivos, preenchendo tabelas, entre outras atividades. O jovem faz curso tecnólogo em administração e também estuda gestão ambiental. “O meu estágio está totalmente relacionado com a graduação que estou fazendo, então parte do que eu aprendo na faculdade eu consigo pôr em prática”, destaca. Apaixonado por arte, o estagiário, em suas horas vagas, tem como hobby a pintura e confecção de artesanato.

Quando passam um tempo juntos, os irmãos gostam de conversar sobre o cotidiano e sempre surgem comentários sobre a semana no trabalho e suas atividades diárias. Um de seus hobbies em comum é assistir um bom filme juntos após um jantar em família. Apaixonados por natureza, também gostam de acompanhar uns aos outros na hora de fugir do cotidiano da “selva de pedra” e explorar o campo e parques naturais do estado. Um sonho que têm em comum é conhecer o mundo e desfrutar da beleza e da diversidade ambiental espalhadas pelo globo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *