Domínio do aeromóvel

Para que os trens operem todos os dias, a Trensurb conta com um quadro funcional com cerca de mil empregados que atuam em diversas áreas e garantem o bom funcionamento do metrô, o planejamento e a gestão da empresa. As 48 unidades organizacionais da Trensurb estão divididas entre três diretorias, duas superintendências, 14 gerências, 28 setores e um órgão de auditoria interna. Conheça o trabalho da Coordenação de Desenvolvimento Operacional (CDO).

Quem faz? A equipe do CDO conta com 13 pessoas: coordenador, assessor operacional e operadores e controladores de aeromóvel.  A unidade está subordinada ao Centro de Desenvolvimento Operacional aplicado à Tecnologia Aeromóvel (Cedaer).

O que faz? O trabalho do CDO e sua equipe mantém a linha metrô-aeroporto do aeromóvel em pleno funcionamento, controlando a automação do sistema, monitorando rotações do motor, pressão dos compressores e a operação em modo automático. Eventualmente, os controladores assumem em modo manual, quando há alguma falha, e também modificam parâmetros de alguns equipamentos, cuidando dos aspectos de segurança do sistema e dos usuários.

“A presença dos operadores é imprescindível, afinal qualquer sistema necessita de suporte para a operação, por mais automatizado que seja, ainda mais com transporte de pessoas, em que há necessidade de segurança e complexidade pela diversificação de sistemas funcionando simultaneamente”, afirma Marco Casara, coordenador da unidade.

Como faz? Os operadores do aeromóvel trabalham em escala de revezamento 24 horas por dia, sete dias por semana. O monitoramento e operação do sistema são efetuados por equipes de três empregados que se revezam ao longo do horário comercial. Diariamente, por volta das 4h15, começa a preparação da operação do dia, com checagem do veículo e equipamentos não embarcados, além da marcha à vista, para verificação das condições da via. Às 5h, inicia-se a operação comercial, com a abertura das estações. O operador e controlador Gil Silva conta que o seu trabalho é muito dinâmico e as inúmeras atividades desempenhadas não permitem que a rotina seja monótona. “Acho que o trabalho que nós desenvolvemos aqui é muito gratificante, pois facilita muito a vida dos usuários”, diz.

“O domínio sobre o sistema garante operação comercial permanente e experiência suficiente para a realização de curso para operadores do aeromóvel, o que nos gratifica muito”, afirma o coordenador Casara.

Onde fica? A administração fica localizada no pátio da Trensurb, em Porto Alegre, no bairro Humaitá, em prédio próximo à Estação Aeroporto. Os responsáveis pela operação propriamente dita ficam numa sala de controle na estação do aeromóvel anexa à Estação Aeroporto e também dentro do veículo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *