Entrevista: a expressão dos corpos na fotografia de Fernando Espinosa

Até 30 de março, está em cartaz na Galeria Xico Stockinger, na Estação Rodoviária da Trensurb, a mostra O Corpo Expressivo, do fotógrafo Fernando Espinosa. A exposição tem como inspiração as milhões de conotações que o corpo possui quando quer se expressar: afetos, dores, alegrias e amores, entre outros sentimentos. Mantida pela Trensurb em parceria com o Sesc-RS, a Galeria Xico Stockinger fica no túnel de acesso à plataforma da Estação Rodoviária do metrô. Ela pode ser acessada durante o horário de abertura da estação, das 5h às 23h20, mediante pagamento da tarifa unitária do metrô, de R$ 4,20.

Fernando Espinosa é um fotógrafo porto-alegrense, especializado em fotografia de cena. Médico veterinário, formado em 2007 pela UFRGS, descobriu sua vocação ao registrar apresentações de sua esposa e sua sogra, ambas bailarinas. Fascinado pela união das artes, aos poucos fez desse hobby uma profissão, na qual atua desde 2015.

Quer saber mais sobre a exposição e o trabalho dele? Confira a seguir nossa entrevista com o fotógrafo.

Leia mais →

Disposta a fazer o bem

Isabel Cristina Padilha, 62 anos, natural de Porto Alegre e moradora da Zona Sul da capital, atua há seis anos como operadora de trens na Trensurb. Com seu jeito divertido, a metroviária criou muitos laços de amizade dentro da empresa e, por onde passa, é alvo de sorrisos e brincadeiras. Há 32 anos na Trensurb, ela trabalhou como agente metroviária nas estações durante 26 anos. O que mais a animava na função era o contato com o público. Agora, sente-se feliz ao pilotar o trem e prestar serviço às pessoas. “Na linha de bloqueio, as pessoas virem conversar comigo, ou pilotar o trem e avistar alguém, é algo que marca”, comenta.

Leia mais →

Engenheiro, mergulhador e barista

Guilherme Souza Barbosa, 34 anos, é natural e morador de Porto Alegre. Formado em engenharia civil, atua no Setor de Manutenção Predial e Equipamentos (Semap) da Trensurb. Há oito anos na empresa, Guilherme ingressou na Trensurb um ano após concluir sua graduação na Universidade Federal do Rio Grande do Sul. No início, trabalhou no Setor de Planejamento e Projetos de Mobilidade Urbana (Semob). Depois, no Centro de Desenvolvimento Operacional Aplicado à Tecnologia Aeromóvel (Cedaer) e no Setor de Projetos e Obras Civis (Sepro). Atualmente no Semap, o engenheiro atua na gestão de contratos, medições, laudos e acompanhamento de serviços de manutenção. “Acredito que a parte boa dessa função é a de nunca cair numa rotina. É divertido, é bem diferente do que eu vinha acostumado na área de projeto”, afirma.

Leia mais →

11 anos de incentivo à leitura

Biblioteca mantida pela Trensurb, o Espaço Multicultural Livros sobre Trilhos (EMLsT) completou 11 anos de atividades no último domingo (15). A unidade original do EMLsT foi inaugurada em dezembro de 2008, na plataforma de embarque da Estação Mercado do metrô. Em março deste ano, foi criada uma unidade adicional no saguão da Estação Novo Hamburgo. Com um catálogo de 9,5 mil exemplares (dos quais cerca de 2 mil estão na unidade hamburguense), a biblioteca oferece serviço gratuito de empréstimo de livros. O acervo é ampliado somente por meio de doações. Em celebração ao aniversário do Espaço Multicultural, foi realizada uma programação comemorativa que trouxe mais cultura ao dia a dia dos usuários do metrô.

Leia mais →

Novo sistema de radiocomunicação

A Trensurb está implantando o sistema de radiocomunicação digital com tecnologia Tetra, que possibilitará a transmissão com mais qualidade e desempenho de recursos de voz e dados com conexão direta ao Centro de Controle Operacional (CCO) do metrô. O objetivo do projeto é trazer um sistema de comunicação mais eficaz para a empresa, garantindo a evolução tecnológica do sistema de radiocomunicação e incorporando novas funcionalidades, que trarão mais segurança, regularidade e maiores vantagens tecnológicas.

Leia mais →

Dedicação ao usuário

Da bilheteria à plataforma, passando pela linha de bloqueios (ou catracas), todo o atendimento ao usuário, desde a compra da passagem até o embarque no trem, está sob responsabilidade do Setor de Operações (Seope) da Trensurb. Dentro do setor, os chamados agentes metroviários estão divididos em duas áreas básicas: a operação de estações e a segurança metroviária. Como parte da operação de estações, há uma função homônima, que inclui atividades como atendimento ao público e venda de passagens. Há também a ocupação de controle de estações, voltada à coordenação, incluindo a responsabilidade pelo funcionamento geral da estação e a supervisão das atividades dos empregados da função de operação de estações.

Leia mais →