2018 na Trensurb: cidadania, solidariedade e integração com a comunidade

Buscando reafirmar seu compromisso e fortalecer a integração com as comunidades em que está inserida, além de procurar contribuir como agente de transformação social, a Trensurb vai além de sua atividade-fim e desenvolve ou é parceira de projetos e ações sociais e de relacionamento. Diversas foram as atividades realizadas pela empresa com esse foco em 2018. Saiba mais sobre elas a seguir.

Leia mais →

Dez anos de democratização da leitura

Biblioteca mantida pela Trensurb, localizada na plataforma de embarque da Estação Mercado do metrô, o Espaço Multicultural Livros sobre Trilhos (EMLsT) completou dez anos de atividades no último final de semana. O espaço funciona nos dias úteis, das 10h às 12h e das 13h às 19h, oferecendo serviço gratuito de empréstimo de livros aos seus 5,9 mil sócios. Conta com 8,4 mil publicações de diversos gêneros em seu acervo – ampliado somente por meio de doações –, além de uma área para exposições artísticas e fotográficas. Nesses dez anos de atividades, acumula mais de 67 mil empréstimos realizados.

Leia mais →

Entrevista: cultura hip hop na luta contra o assédio

A Trensurb e o Comitê Gaúcho Impulsor ElesPorElas (HeForShe) desenvolvem, durante os próximos meses, a campanha ‘Fim da linha para a violência contra a mulher’, primeiro projeto coletivo do Comitê a provocar o tema pelo fim da violência contra mulheres em espaços de transportes públicos. Além de materiais gráficos divulgados no metrô, a campanha contará com intervenções artísticas com o uso grafite e de batalhas de rap que ocorrerão em estações selecionadas. Essas intervenções serão promovidas pelo Coletivo Hip Hop Linha do Trem, integrante da Casa da Cultura Hip Hop de Esteio. O Coletivo foi criado no segundo semestre de 2017, buscando promover o diálogo e a articulação em rede das cidades e dos jovens da cultura hip hop das regiões ligadas pela Trensurb. Foi um dos participantes do Linha do Trem, Rafael Diogo dos Santos – o MC Rafa, do grupo de rap Rafuagi –, que levou à secretária executiva do Comitê Impulsor ElesPorElas no estado, Karen Lose, a ideia de criar um projeto em que o hip hop, através da atuação do Coletivo, tivesse protagonismo na luta pelo fim da violência contra a mulher.

Leia a seguir nossa entrevista com Rafa Rafuagi, que falou sobre o Coletivo, a cena da cultura hip hop gaúcha e o protagonismo da mulher nesse espaço.

Leia mais →

Trabalho infantil é tema de esquetes no trem

Entre 30 de outubro e 21 de novembro, no trecho da linha da Trensurb localizado em Novo Hamburgo, os trens receberam esquetes teatrais que buscavam conscientizar os passageiros a respeito da problemática do trabalho infantil. As atividades foram realizadas num iniciativa do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti) da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social de Novo Hamburgo. O grupo de teatro Luz & Cena foi responsável pelos esquetes e também pela distribuição de material gráfico informativo sobre o tema.

Leia mais →

A convivência na diferença

Convivência – palavra essencial para um sistema de transporte por onde passam quase 200 mil usuários por dia. Em meio a toda essa gente, existem pessoas dos mais variados tipos, de todas as caras, cores, gostos e jeitos. Diferença requer tolerância e respeito, que se consegue através da empatia gerada, adivinhe só, pela convivência. “Não é só importante para eles saírem. É importante para outras pessoas conviverem com eles. Entenderem que têm medos, que às vezes podem gritar. Os dois lados ganham e aprendem”, afirma a educadora social Teresinha Oliveira, referindo-se a seus alunos da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) de Sapucaia do Sul. Dentre os variados tipos de pessoas, existem aquelas que se enquadram nos objetivos da organização social. A APAE caracteriza-se por promover a atenção integral à pessoa com deficiência intelectual e múltipla. A associação presta serviços de educação, desenvolvimento social e atendimento clínico.

Leia mais →